carregando...

Ouça ao vivo a nossa rádio

Valmir Assunção e Arthur Maia são os campeões de gastos com viagens na Câmara

[Valmir Assunção e Arthur Maia são os campeões de gastos com viagens na Câmara ]
29/07/2015 12h45 Em: Medeiros Neto comentários
 
 
 
Ao todo, foram 113 passagens compradas pelo deputado federal baiano Valmir Assunção (PT), de janeiro a junho de 2015, pagas com o dinheiro do povo. Em 31 oportunidades, o petista pegou a ponte área Salvador-Brasília, comprando 28 bilhetes para fazer o percurso de volta. No roteiro, tem também viagens para Vitória da Conquista, Porto Seguro, Belo Horizonte e Petrolina. 
 
Valmir Assunção gastou R$ 47.113,20 da cota parlamentar com passagens áreas. O petista é o campeão, entre os baianos, em gasto com bilhetes, seguido por Arthur Maia (SD), Ronaldo Carletto (PP), Bebeto (PSB) e Sérgio Brito (PSD). No mesmo período, os 39 parlamentares baianos na Casa gastaram R$ 892.599,36 com bilhetes aéreos, conforme levantamento feito pela Câmara dos Deputados.
 
Questionado pela reportagem sobre os gastos com passagens, Valmir Assunção atribuiu à atuação do seu mandato no interior do estado. "A atuação do mandato está pulverizada em diferentes regiões da Bahia, principalmente no Extremo Sul, e estamos constantemente viajando. Agora, as agendas não podem intervir na participação das sessões e nas comissões da Câmara, onde tenho comparecimento de cem por cento. Deputado federal é assim, precisa dar atenção para suas bases, se fazer presente nos eventos, nas inaugurações, nas reuniões políticas e nas sessões da Câmara”, justificou.
 
O levantamento mostra também que, ao menos, em duas oportunidades, o deputado teria saído três vezes de Brasília para Salvador no mesmo dia. Segundo os dados da Câmara, o petista comprou nos dias 23 de abril e 20 de abril três passagens para esta ponte área.
 
 
 
 
 
Valmir Assunção disse que acontece das sessões da Câmara se alongarem mais que o previsto e, por isso, é necessário que se compre outra passagem por motivo de não conseguir comparecer ao voo. Segundo o deputado, que os valores das passagens perdidas são reembolsados pelas companhias aéreas. A empresa área Gol informou que não há reembolso total de nenhuma passagem perdida. Mas, a depender da tarfica, pode chegar até 90%. Em tarifas promocionais, o cliente paga uma multa de R$ 180,00. 
 
Segundo colocado, com gasto de R$ 43.483,44, o deputado federal Arthur Maia quando questionado sobre os gastos, limitou-se a dizer: "porque eu viajo”. 
 
Contramão 
 
Por outro lado, um deputado federal não gastou nenhum centavo com passagens áreas. João Gualberto (PSDB) usa o próprio avião para se descolocar de Brasília para a capital baiana. 
 
Envie uma notícia
Curta nosso perfil

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.