Ouça ao vivo a nossa rádio

Droga é encontrada dentro de escola de Vereda; suspeita já está presa

[Droga é encontrada dentro de escola de Vereda; suspeita já está presa ]
16/06/2019 13h52 Em: Polícia comentários

A Polícia Militar (5º Pelotão/44ªCIPM) realizou uma nova apreensão de drogas na cidade de Vereda. Desta vez, 90g de crack foram encontrados em uma escola na manhã deste domingo (16).

O material entorpecente estava escondido dentro de um urso de pelúcia na dispensa da Escola Municipal Joana D'arc.

Droga é encontrada dentro de escola de Vereda; suspeita já está presaEm Teixeira de Freitas, Edina Teixeira dos Santos já estava detida desde a última sexta-feira (14). Ela trabalhava na escola e, através de denúncia anônima a polícia chegou até sua casa, realizando uma primeira apreensão e conduzindo a mulher.

Em novo interrogatório, Edina confessou que teria pegado a droga para revender, um total de 150g de crack, das mãos do traficante conhecido como "Guerreiro". Ela afirmou que a quantidade apreendida era a única que estava em sua posse.

A suspeita disse que está há dois meses trabalhando para o tráfico. Ela atuava até então como auxiliar de serviços gerais na escola e nega que traficava no espaço escolar.

ENTENDA O CASO

Vereda: PETO prende funcionária de escola que traficava droga em sua residência

Além disso, a interrogada apresentou os nomes de quem ela teria contato direto para conseguir a droga. "Guerreiro", morador de Teixeira, e "Eloi", morador do distrito veredense da Prata, trabalhariam para Julivar Cardoso, o "Chebinha", interno do CPTF.

Edina permanece à disposição da Justiça na carceragem da Delegacia Territorial de Teixeira de Freitas e aguarda sua transferência para o presídio.

Por: Redação Medeiros Dia Dia

Droga é encontrada dentro de escola de Vereda; suspeita já está presa

Envie uma notícia
Curta nosso perfil

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.